Outros Blogs do meu grupo:

quarta-feira, 31 de agosto de 2011

Teoria do amor

Amor é mais do que dizer.
Por amor no teu corpo fui além
e vi florir a rosa em todo o ser
fui anjo e bicho e todos e ninguém.
Como Bernard de Ventadour amei
uma princesa ausente em Tripoli 
amada minha onde fui escravo e rei
e vi que o longe estava todo em ti.
Beatriz e Laura e todas e só tu
rainha e puta no teu corpo nu
o mar de Itália a Líbia o belvedere.
E quanto mais te perco mais te encontro
morrendo e renascendo e sempre pronto
para em ti me encontrar e me perder.

Manuel Alegre

Poesia com emoções: O Poema dos meus poemas!


Poesia com emoções: O Poema dos meus poemas!:

Magnífico desafio


Fazer o bem para quem nos favorece,
É bastante conveniente...
O contrário
Fazer o bem sem olhar a quem
É um magnífico desafio.

Maria de Fatima

Estarás em mim!


Pela manhã

com um sol radioso

a invandir meu espaço,

olho a tua imagem

sorrindo para mim

com encantamento,

que preenche

meu corpo e alma!


Entrego-me a ti

neste caminhar,

que nos levará

até à estrada do Futuro...!

José Manuel Brazão

Pensamento

Pareço não ter nada e tenho tudo: PÃO e AMOR!
José Manuel Brazão


Poesia com emoções: Parti... um novo ciclo de Vida!

Poesia com emoções: Parti... um novo ciclo de Vida!:

'via Blog this'

terça-feira, 30 de agosto de 2011

Meu regaço de carinho


Em nossas idas e vindas
Nessas linhas
verbais
Quis a vida nosso encontro.
Suas palavras
me afagaram
e me deram
seu ombro,
seu colo gentil.
Seu olhar a me dizer
afetos e me embalar
sob a sonora melodia
de uma nova face do amor:
a cumplicidade.
Partilhamos então
nosso amor
e nossa fúria,
verdades
e amizade,
em versos
e reversos,
que transpoem o limite do mar.
Amados por uns
Preteridos por outros.
Fecundados em nós.

Sandra Freitas



[....]


És linda
como eu te vejo.
mulher carinhosa,
generosa,
humilde na Vida
em que eu sou sempre
melhor que tu,
mas sei do teu valor
de Mulher e de Poeta!

Na Vida
estou um pedação no teu coração
e como mulher crente
estou nos teus momentos de oração!

Na poesia
dás tudo de ti
para vestir as palavras
de verdade,
da tua força interior,
que provoca em mim
ser o teu parceiro ideal
para aquilo que expressas!

Nada mais confortante
do que seres
o meu regaço de carinho!

José Manuel Brazão

Mulheres da minha Vida (o valor de uma Mulher) !


Amores que entraram
e ficaram em mim
como se fossem eternos!

Vivi cada um
me dando de corpo e alma
esquecendo a vida,
a minha vida,
sonhando
e vivendo esses amores,
como se fossem os únicos,
os mais belos
com entrega,romantismo,
beleza e emoção...

Todos guardados
em mim
neste coração infinito
que não abandona
quem amou
e ama
e levará consigo
após o sorriso final,
O amor
Desses amores!

José Manuel Brazão

Dedicado a algumas Mulheres da minha Vida, simbolizado em minha Mãe!



http://www.youtube.com/watch?v=3qW4JP0N7Lo&feature=player_embedded

Um novo amanhecer



Este amor
sem limites e tempo,
vibra intensamente
em nossos corações,
vivem próximos:
não passam um sem o outro!

Um amor vestido de saudade,
por cada momento
que se afastam…

O nosso amanhecer é radioso,
nasceu dentro de ti
e passei a vivê-lo!

O anoitecer não o vejo,
esqueci-o!

Nosso amor está vivo,
com o amanhecer,
após outro amanhecer…
… e assim será…
até sempre!

José Manuel Brazão

Para ti que me foste enviada e acordei para a Vida. Sim, agora vejo o sentido da felicidade!

INSANA OU FELIZ?


Gosto das coisas naturais
Não há o que me encante mais que,
Palavras que fazem pensar
E pequenos gestos sem se esperar.
Gosto do amor que acontece
Amor a primeira vista
Aquele que provoca emoção
Arrebatando a alma,
Invadindo o pensamento
Acelerando o coração
Ilícito
Explícito
Sem juramento
Sem julgamento
Fazendo-me perder a razão
Isso me fascina.
Andando neste imenso jardim 
Chamado mundo
Aprendi valorizar pequenas coisas
Como contar estrelas
Abraçar sem medo
Entender os loucos
Cantar com eles.
A alegria está sempre viva em mim
Em tudo que faço
Em cada manhã
Nas minhas tardes
E na minha cama.
Corro livre na chuva
Distribuo flores
Enfim, vivo intensamente.
Sem preocupar-me com pudores
Isso é insano?
Então sou maluca!
Descobri que há felicidade demais em mim
E não pode ser guardado.
Adoro viver assim
Externando felicidade.
Faço parte disso
Isso faz parte de mim.
Sou insana ou feliz?

Maria de Fátima

Calma amor..meu amor..doce amor...


Calma amor, que não te deixo
nem te apago ou te esqueço,
só adormeço pro que fomos
se seremos ou que somos.


Não te espantes
ou te inquietes
é só o amor embalado,
embrulhado de presente
no regaço da lembrança...


Por favor amor, não chore!
que eu desmancho
e me mancho
com as cores que pintamos,
Sem tristeza então sigamos
nos querendo nos amando
só pro dia ser feliz...
Calma amor..meu amor..doce amor...


Sandra Freitas


[....]



Quando penso

e penso em ti,
vem a lágrima,
lágrima teimosa,
por seres generosa,
uma pedra preciosa
a decorar o meu coração!

Quando penso
e penso em ti,
vem o sonho duma paixão,
sonhada, mas por viver!

Quando penso
e penso em ti,
vem a lágrima,
lágrima teimosa,
por ver
não estares ao pé de mim!

Apenas sonho
e vem a lágrima…

José Manuel Brazão

segunda-feira, 29 de agosto de 2011

Palavra e Vibração

A palavra, junto com o poder da vibração, é capaz de criar, curar e também destruir.

A teoria indica que, quando focalizamos nossa mente em algo, e a isto somamos o sentimento e a emoção, para finalmente expressá-lo, estamos exteriorizando e materializando um poder que estará afetando os reinados da matéria.

O QUE DIZES A TEU SEMELHANTE, DIZES A TI MESMO

Se cada um de nós estivesse consciente de que a energia liberada em cada palavra afeta não só a quem a dirigimos, mas também a nós mesmos e ao mundo que nos rodeia, começaríamos a cuidar mais o que dizemos.

Os antigos essênios sabiam da existência de um enorme poder contido na oração, no verbo e na palavra. Os antigos alfabetos, como o sânscrito, o aramaico e a linguagem hebraica são fontes de poder em si mesmas. Os essênios utilizaram a energia que canaliza a linguagem - que era a manifestação final do pensamento, da emoção e do sentimento - para manifestar na realidade a qualidade de vida que desejavam experimentar neste mundo. Nas culturas do antigo Oriente eram utilizados os mantras, as rezas, os cânticos e as orações com intenção predeterminada, como técnicas para materializar estados internos e programar, de uma forma ignorada por nós na atualidade, realidades pensadas, desejadas e afirmadas previamente.

Os estudos realizados por físicos quânticos começam a redescobrir e validar o enorme conhecimento esquecido de antigas culturas ancestrais. Um conhecimento que se encontra ainda escondido e esquecido e que nos traria o poder de mudar nosso mundo.



* Texto e imagem que recebi duma leitora atenta aos meus Blogs e que pediu para não ser  identificada. Confirmei os textos e imagem e respeitarei a sua não identificação.
José Manuel Brazão



POETAS



Trazes a poesia enraizada
em terra de palavras,
regada de sentimentos
e ansiosa de musas inspiradoras
que te alimentam o ego
e te fazem forte como árvore
que não verga com os ventos.


Mas as lágrimas
são a poção mágica
de tudo o que é mais belo.


E o sorriso
o barco que te leva
o poema à volta do mundo.



Vanda Paz




[....]


Vives, escreves,
usas as palavras,
sempre,
sempre com o coração!
Mulher de paixão,
sonhas a vida,
com magia, alegria,
sempre com o coração!
Amas
o som dos pássaros,
amas
o som do mar,
envolves-te com as ondas,
abraça-las com amor.
Amas
o horizonte,
as pessoas …
Acaba o sonho!
Vem a ilusão …
Viverás
sempre com o coração;
coração poeta …


José Manuel Brazão


Uma página da Vida de Graciele Gessner


QUARTA-FEIRA, 23 DE FEVEREIRO DE 2011
Deus escolheu você


Ainda vem nas lembranças, “a gravidez veio na hora errada.”

Tentaram de todas as formas, de tudo, não era desejo dos seus pais o seu nascimento. No final, abençoada foi à mão de Deus, que não permitiu que nada acontecesse. A futura mamãe desistiu do aborto e pediu a Deus que a verdade fosse revelada, e forças para suportar todas as provações.
Hoje, essa mesma mamãe está em sua 23ª semana da gestação, que transcorre tranquila e naturalmente, sem percalços; apenas enfrentando o abandono do pai biológico.
Fica uma lição de vida: “nascemos para reencarnar e cumprir nossa missão.” Deus escolhe a mulher para gerar em seu ventre o filho abençoado. Nela fica a missão de gerar o espírito reencarnado, e que será grato pelo resto da vida.
... Aceite de braços abertos o filho que Deus te enviou!
Graciele Gessner
Graci, sabes que acredito na Vida eterna!
O teu texto é maravilhoso e senti-o iluminado com Luz divina!

Beijo do ZÉ


Nos dias de hoje Graci e RENAN felizes e com saúde como Mãe e Filho com Deus presente!!!

O que sinto e o que vejo!


Sinto em mim
uma tristeza presente,
que não me abandona
e não sei porque chegou
e se instalou!

Sonhei muito,
vivi ainda mais
e não defendi
a minha mente
das ilusões criadas,
no acreditar fácil
e na ingenuidade
que não tem idade.

Vejo em mim
trilhos para caminhar,
sem saber o que viverei
para virar minha Vida
e sair deste anoitecer
esperando e acreditando
num novo amanhecer,
que me leve a tristeza
que vive em mim!

José Manuel Brazão

Amor prometido


É no vazio dos meus olhos
que coloco o teu corpo
junto ao meu,
num abraço sem fim...
É na secura dos meus lábios
que sinto os teus
em beijos orvalhados,
numa frescura que acalma
o desejo... o desejo dos teus...
É na tua voz que ouço o sonho
aquele que em tempos
era ausente...
E que agora, amor,
é uma constante presença em mim...
É no bater do coração
que sinto tuas palavras
murmuradas em meus ouvidos
com ternura, com meiguice...
Cumprindo assim
um amor prometido...
Vanda Paz

domingo, 28 de agosto de 2011

Foste enviada



Sinto à minha volta
a solidão.
Não a solidão
para estar só.
Mas a solidão, de ficar só.
Sinto,
sinto muito …

Apareceste,
foste Enviada,
para não ficar tão só.
São amigos de verdade,
os poucos que me ajudam
e estão presentes,
na realidade.

Não peço muito:
é doce,
é consolador,
ter por perto
ou em pensamento,
gente com sentimento,
que dão amor,
sem se pedir,
muito amor…

José Manuel Brazão

Sou quem sou!

Sou
o que a vida me permitiu,
sou
o que na vida me sorriu,
me entristeceu,
me enlutou…

Sou
um amigo da paz,
da tolerância
e do Amor…

Sou
um amigo fiel,
sempre  ao lado
dos fracos,
dos aflitos,
dos carentes.

Sou
um homem
que defende
a dignidade,
a honra
e a verdade!

Sou
o que outros pensarem,
mas,  sou quem sou!

José Manuel Brazão

Às escuras


Não me culpe
se não quero ver você,
só pra não doer
só pra não sofrer.
Não me culpe
se eu quero só morrer
é pra não doer
é pra não sofrer.
Me desculpe
se o que vejo ainda dói
tá doendo sim.
tá doendo
em mim.
Me perdõe
se eu pareço tão ausente
se eu não sou indiferente:
se meus olhos não te vêem
mas meu coração te sente.

Sandra Freitas

Textos da Vida: Uma história de amor

Textos da Vida: Uma história de amor:
Graciele Gessner
'via Blog this'

EU e a VIDA!



Vivi
o que tive de viver!


compreendo a vida,
olhando para trás!


posso viver a vida,
olhando para a frente!

O passado
não se apaga,
o futuro
vou recomeçar!

José Manuel Brazão


Insisto

Não desisto de amar
Não saberia viver vazia
Como planta sem raiz
Um vaso sem flor
Sem vida e sem cor.
Não sobreviveria.
Tropeço aqui,
Me bato lá,
Choro ali,
Sofro acolá.
Não importa,
Insisto!
Amo outra vez
E outra
O pior seria 
Me fechar
por medo de amar.

Maria de Fatima



Fati
Um belo poema da Vida!
És uma Alma iluminada!
Beijo do ZÉ

sábado, 27 de agosto de 2011

Posso não ser ninguém neste Mundo (do avesso)!


Não sou ninguém no mundo,
neste mundo (do avesso).
Mundo caduco e envelhecido,
para muitos, mais empobrecido
de valores morais.

Não sou ninguém no mundo,
neste mundo (do avesso).
Para muitos, mundo enriquecido
de invejas, arrogâncias,
cobiças e intolerâncias;
falta de amor!
Sinto tanta dor
por esta forma de viver,
que antes morrer,
do que ser alguém neste mundo
(do avesso).

Sonho,
vivendo a esperança
dum mundo melhor:
de harmonia e paz.

Sinto,
que nos meus pensamentos
e nos meus sentimentos,
posso ser o mundo de alguém!

José Manuel Brazão


Zé, sempre poderemos ser o mundo de alguém... Às vezes não sabemos da nossa verdadeira importância. Mudar o mundo está difícil, mas podemos mudar, sempre. Mudando, cultivamos, apresentamos o melhor do que realmente somos. E quem sabe, alguém não muda junto connosco?
Graciele Gessner


Quem sabe, Graci!!!

A Amizade e o Amor

Perguntei a um sábio,
a diferença que havia
entre amor e amizade,
ele me disse essa verdade...
O Amor é mais sensível,
a Amizade mais segura.
O Amor nos dá asas,
a Amizade o chão.
No Amor há mais carinho,
na Amizade compreensão.
O Amor é plantado
e com carinho cultivado,
a Amizade vem faceira,
e com troca de alegria e tristeza,
torna-se uma grande e querida
companheira.
Mas quando o Amor é sincero
ele vem com um grande amigo,
e quando a Amizade é concreta,
ela é cheia de amor e carinho.
Quando se tem um amigo
ou uma grande paixão,
ambos sentimentos coexistem
dentro do seu coração.

Viviane Lima

Em tempos Viviane enviou-me este poema muito simbólico!
Todo o tempo é tempo para o divulgar!
Beijo do ZÉ

Folha do pensamento

Na tua mão
uma folha de árvore;
sentas-te à sua sombra.
Acaricias a folha,
fixas o teu olhar,
corres a vida:
sorris, choras.
Com coisas belas
e sonhos perdidos
nessa corrida pela vida.
Olhas para diante
e vês a sombra de alguém,
mas quem?
Daquele
que segue o teu caminho,
que te avisa e aconselha,
daquele
que não te quer sem destino:
onde estou, para onde vou…
A estrada em que estamos,
leva-te à que procuramos:
a estrada da Vida …
Sorris para mim,
beijas a folha e partes …

José Manuel Brazão

Para ti Graci e teu Filho Renan

Construindo


Destroços... Estilhaços...
Cada pedaço vai sendo remontado.
Restos das peças são colocados.

Assim é a vida em sua magnitude,
Num dia somos destruídos,
Noutro nos reconstruímos.

Graciele Gessner.

Graciele Gessner: a Mulher e a Escritora

Ilustres visitantes

Ao longo da minha carreira de escritor preocupei-me sempre em ser merecedor como Homem e Poeta do vosso respeito e carinho.


Assim, desde o ano de 2007 empenhei-me nesta missão de divulgar os meus textos e reunir uma equipa de Autores residentes para aqui neste espaço divulgarem o seu património literário, mas sempre preocupado em saber tanto quanto possível quem eram as Mulheres e os Homens, que estariam comigo. 


Como seres humanos somos errantes, mas existem erros incompatíveis com a Vida e a Poesia!


Orgulho-me muito dos que presentemente me acompanham nesta caminhada em que o meu pensamento vive para a Poesia com os Escritores e todos os nossos potenciais visitantes e leitores.


Hoje simbolizo neles a minha querida Amiga já com anos de convivência GRACIELE GESSNER para mim a Graci!


Graci tem tudo o que se pode pedir a um ser humano como Mulher (Filha e Mãe) e Escritora: determinada, exigente, generosa, carinhosa e bondosa sem limites. Conheço bem nela todos estes adjectivos, porque tenho o privilégio de ter recebido dela grande parte deles!


E no seu passado recente está a grande lição de Vida: MÃE extremosa e convicção absoluta por ter sentido no seu corpo e alma o que é ser PAI/MÃE, isto é ter recebido de sua Mãe tudo para que  sentisse o menos possível a ausência permanente do Pai!


Na minha Vida guardarei tudo o que me ensinaste de belos sentimentos, porque a sabedoria na Vida não tem idade!


José Manuel Brazão


Minha emoção para definir Pai


Pai, algo que não tive.
Palavra que jamais se proferiu.
Porém, tive um Pai Superior,
Àquele que me guiou nesta vida.
Meu Deus Pai, minha vida em suas mãos.


Tive um maravilhoso pai-mãe que me deu vida.
Deu-me a educação, a alimentação,
Gerou este coração cheio de emoção.
Minha guerreira mãe!
Meu alicerce, minha definição...


Por este rumo percorri,
Até que conheci meus pais-amigos
A quem eu dedico meu carinho,
Meu respeito e a minha admiração.
A vocês, “pai 1” e “pai 2”...


Por fim, cheguei ao mundo irreal...
Tão imaginário que alcança a alma,
Conquista os sentimentos,
E deste cálice surgiu pai virtual.
Ao “paizinho”, meus cumprimentos.


Sinto-me emocionada pelo dia,
Pela felicidade desta minha história.
Pela alegria construída,
Pela emoção brotada.


Defino pai não aquele que faz,
Mas aquele que posso ter ao meu lado.
Pai é aquele que me adotou de coração.
Pai é aquele que me cuidou em todo sentido.


Pai é aquele que está ao seu lado nas horas tristes e alegres.
Pai é aquele que podemos contar nas perdas e nas vitórias.
Pai é aquele que mesmo sem ter o seu sangue nas veias,
Mostra o caminho a ser percorrido, a sua trajetória...


Hoje, cumprimento os verdadeiros pais!
Aos pais ativos, presentes, conselheiros, amigos...
Minhas congratulações, recheadas de emoções.


Graciele Gessner


Apenas Deus é meu Pai!

És a mulher
que continuarei a amar,
por seres uma lutadora,
me enchendo a Alma
de beleza,
a mulher ideal,
que me ama no seu silêncio,
sabendo que estou sempre
com ela
e por ela!

Cedo
começou a sua caminhada
muito só,
apenas com sua Mãe
e eu
que lhe apareci
como companheiro
das suas horas
de angustia,
tristeza,
mas sem deixar
cair os braços,
tropeçando aqui ou ali,
avançou vislumbrando
um raio de Sol
que lhe aquecia a Alma,
Olhando para mim
com um sorriso de conforto
e foi vivendo...
... e sempre me dizendo:
...
apenas Deus é meu Pai!

José Manuel Brazão



Sonho mágico

Como num sonho, ele veio ao mundo com o destino traçado. Foi na terça-feira gelada, nasceu à noite enquanto chovia. Deu o seu grito, dando ao ambiente inquieto o som da vida.

Quando foste colocado sobre a sua mãe, lágrimas de alegria brotaram em sua face. Nada mais seria igual...

Não esteve nos planos de seus pais, mas Deus reservou a sua chegada. Para Deus você é o sonho mágico que dá sentido à vida. Vieste renascido Dele, e ele escolheu a sua mãe e o seu caminho.
09.07.2011
Graciele Gessner.




*Razão e Sentir*

Minto em todo o meu pensar,
Cada pétala desse amor,
Cada perfume daquela flor,
Que me fez divagar,
Por entre terras de luz e de mar.

Cubro as palavras com cada toque de amor,
Albergando em cada uma das minhas pinturas,
Momentos partilhados com a dor,
Esperanças de lembranças em ataques das loucuras,
Que me abraçam os sentimentos com ternuras.

E jorro em cada linha as minhas desculpas,
Para com a senhora do mundo da razão,
Que fazem o corpo sentir o peso das culpas,
Não encontrando em si o perdão,
Para as mentiras que escreve no seu guião.

E mente o coração desbocado,
Em cada linha que escreve,
Em cada palavra que soa no silêncio calado,
Com a pena a esvoaçar tão breve,
Esquece o sentimento que pede para ficar mais leve.

Marlene

Percebo-te


Percebo-te nas minhas manhãs tardias
onde os ventos cortam a fadiga do tempo.
(Belo é o sentimento que chega a galope
mostrando a maestria da raça)
Percebo-te entre as letras, de pés descalços
reconhecendo-te no silêncio de cada dia que passa.

Percebo-te na ausência das marés,
no corpo deitado na areia fina de um poema
percebo-te, quando o mar me beija os pés
ecoando o sentido que se estende pela querena.

E na alma entornada em mãos cheias de um querer,
e numa chama que não se apaga na loucura de te saber.

Percebo-te, percebo-te e quero fazer-te acontecer.

Vanda Paz

Amar acima de tudo!

Enquanto a vida permitir
amarei sempre
com convicção
e dedicação
quem para mim
vale a pena
mesmo que isso
me traga desconforto
virá o mais importante:
amor de verdade
de entrega absoluta
a um ser humano;
uma mulher honrada,
digna da Vida
e com lealdade
e fraternidade
sem limites
ou horizontes!

Esse horizonte
que vislumbro
nem todos alcançarão!

Este  Homem
e essa Mulher
quis o destino que fosse assim:
amor incondicional
acima de tudo e todos!

Nunca seremos vencidos
nesta Vida em que a luta
é feita de Paz
com mãos iluminadas
a escrever o Amor!

José Manuel Brazão

O meu pensamento com os meus queridos Colegas e Poetas Autores residentes  deste Blog e Autores do site Casa da Poesia que quero junto de mim nesta vida linda da Poesia!