Outros Blogs do meu grupo:

sábado, 6 de agosto de 2011

Vidas

Atrás dos biombos escuridão
se soletram palavras da morte,
ocultando tanta imensidão
em sentidos além da má sorte.

Suspira-se entre tantas fontes
que no recente passado sorria,
perante vidas seus horizontes
pelo existir se acaricia.

São pólos de tanta discórdia
sendo dos mais puros e singelos,
que nos descobrem a cada nascer.

Último arfar misericórdia,
entre momentos de vida belos
só evidencia o simples viver.

António MR Martins


Sem comentários: