Outros Blogs do meu grupo:

quarta-feira, 17 de agosto de 2011

Desejo

Havia Mar e Solidão ´Wega Nery 

No céu escuro vislumbra-se luz
ao longe sinto a cor de uma dor..

Me pego correndo ao encontro
do nada que flutua no limbo..

do desejo..

Viajo em deslumbramento
brilhando como fagulha viva..

Alimento minha vida
com as mãos frescas de orvalho..

no desejo..

Quando atravesso meu mar
as lágrimas secam sem rubor..

Vejo o que preciso ao longe
e alcanço em gestos cansados..

de desejo..

Ingrid Caldas

Sem comentários: