Outros Blogs do meu grupo:

sábado, 12 de novembro de 2011

Muros na Vida

Muitos muros na Vida
aparecem no meu caminho.
Uns transponho bem,
outros sou ajudado!


Muros na vida,
alguns no amor,
mas com muro iluminado
mais depressa chego a ti,
que vives ansiosa,
pelo desejo
da fusão dos corpos!


José Manuel Brazão

Renato Baptista 
Zé...foi bem... balançou, como você disse, mas a saída foi poética e perfeita.
 abração*


Acalenta
Que lindeza de poema descreveu bem a imagem Ze parabéns.
 Abraço


Amartvida  
muito bem definida essa imagem no seu poema meu amigo Zé,
a luz sempre vem a as barreiras são superadas a cada dia...
gostei muito de ler
abraço de muita paz
Nina





Sem comentários: