Outros Blogs do meu grupo:

terça-feira, 29 de novembro de 2011

Poesias de amor

Não sei escrever poesias de amor
O amor... eu apenas o sinto
E o demonstro usando
Os meus cinco sentidos
É assim que sou...


O amor é muito mais
Que somente palavras
São gestos e atitudes
São toques, olhares, perfumes...
São sussurros compartilhados
São gostos que se misturam...

O amor é mais que a carne
É mais que o coração
São duas almas que se unem
e caminham numa mesma direção...


O amor!
Ah... eu não sei falar sobre ele
Mas o que importa
Se o tenho comigo aqui dentro do peito...

regina ragazzi

Regi
Já conheço o suficiente da tua Poesia para afirmar  que escreves poesia de amor.
Nos teus poemas reflexivos mesmo aí "vestes" as palavras de amor.

O Poeta só pode "falar" de amor através da palavra escrita e o que importa é o que escreveste no poema: 
"Mas o que importa
Se o tenho comigo aqui dentro do peito..."
Beijoo do ZÉ

Sem comentários: