Outros Blogs do meu grupo:

domingo, 8 de janeiro de 2012

A Lua de hoje

Hoje e nenhum dia a mais,
Vou querer ver a Lua da minha janela.
Amanhã não. E nem depois. Somente hoje.

Não importa se manhã será um dia perfeito.
Não importa.
Hoje e nenhum outro dia,
Quero ver a Lua da minha janela.

Ainda que tudo seja perfeito amanhã,
Que a Lua esteja mais brilhante,
Não tem importância alguma.
Não esperarei pelo dia seguinte.

Quero que seja hoje,
Apesar de tudo e de quem seja contra.
Hoje, sim, verei a Lua da minha janela.

Luciene Lima Prado

Sem comentários: