Outros Blogs do meu grupo:

domingo, 29 de janeiro de 2012

Abraçando a solidão

Por vezes nem estamos sozinhos, mas nos sentimos como se estivéssemos. O abraço da solidão nos envolve, e nem se quer percebemos. Quantos mais deixaremos ser abraçados pela solidão?

Quando estou escrevendo ou tentando colocar algum sentimento no papel, vejo-me abraçada com a solidão. A solidão tem o dom de acalmar a minha agitação e, assim, a quietude me permite escrever.

Há algo que todos ou quase todos vão concordar, nascemos e morremos sozinhos. Só vivemos sozinhos porque escolhemos esta situação.

 Um abraço solitário...

Graciele Gessner.

Sem comentários: