Outros Blogs do meu grupo:

quarta-feira, 18 de janeiro de 2012

Aguardo uma brisa de ti...

Aguardo
uma brisa de ti...
Uma palavra,
um poema,
um beijo.
Aguardo em silêncio
calando o meu desejo...

Aguardo
uma brisa de ti...
Um carinho,
um abraço,
um sorriso.
Aguardo com saudade
pois é de ti que preciso...

Aguardo
uma brisa de ti...
Que me sussurra ao ouvido
que precisa de mim...
Que me deseja,
que me quer possuir...
E meu corpo
entrega-se em gemido
a uma noite prometida
de corpos entrelaçados
em suor...
Na febre de um amor
ainda por cumprir...

Vanda Paz

[....]

Nesta noite prometida
aguardas de mim
uma brisa
um carinho,
um abraço,
um sorriso.

Aguardas e sentes
que te desejo
e teu corpo entregas
em suor para te possuir
nesta noite prometida.

Rendidos nossos corpos,
os desejos foram cumpridos
entre quereres e sentires!

José Manuel Brazão








Sem comentários: