Outros Blogs do meu grupo:

sexta-feira, 13 de julho de 2012

Não houve adeus


SEM DESPEDIDA

Ah! Alma humana 
Sentiu amargura no peito
Por falta da emoção.

Assim, sem despedida
Sem o calor do abraço
Sem o rolar da lágrima
Sem o carinho do beijo...

Ah! Despedida sem Adeus!
Deixou aberto o caminho
da saudade e da esperança
Na lembrança
O desejo
do calor, do abraço, do beijo.

Ah! Lembranças
deixou um rastro
(sem pegadas)
e a ilusão
de um dia retornar.

Não houve Adeus!

Sueli Rodrigues



http://www.youtube.com/watch?v=pq6lsZoWcFE&feature=player_embedded#!


Lindo este poema. Apesar de tudo doçura nas palavras!
Beijoo do ZÉ

Sueli Rodrigues disse...
Obrigada Zé
Adoro ler aqui as poesias que escrevo, não sei explicar, mas parecem de outra pessoa e eu fico encantada
bjo
Su


1 comentário:

Sueli Rodrigues disse...

Obrigada Zé
Adoro ler aqui as poesias que escrevo, não sei explicar, mas parecem de outra pessoa e eu fico encantada
bjo
Su