Outros Blogs do meu grupo:

terça-feira, 21 de agosto de 2012

Alma viajante


Como borboleta no céu á voar
Minha alma andava perdida no espaço a procurar
Viajando dias e noite sem parar
Seguindo meu destino para o verdadeiro amor encontrar
Viajei por muitas vidas até encontrar você

Pude então perceber que és a razão do meu viver
E então a alma que antes era marcada por tristezas e dores
Agora por ti segue feliz a nova jornada
Minha alma que antes era triste encontrou nos seus braços um amor inteiro
Que a tornou verdadeira.alma que agora vive pra te amar..e amar

Ao nascer do sol

Estava eu ali deitada ao seu lado
Meu anjo
Meu amado

O homem da minha vida

Minha felicidade infinda
Meu amor de muitas vidas

Nanda Costa

Sem comentários: