Outros Blogs do meu grupo:

quarta-feira, 1 de fevereiro de 2012

O nosso primeiro beijo

O primeiro beijo aconteceu,
Aquele gostinho permaneceu.
A vontade de querer mais...
O beijo que amamos demais!

O beijo desejado,
Apaixonado e molhado,
O beijo que foi roubado.
O beijo supostamente acidental;
O beijo do nosso amor, tão especial!

Aquele momento que nos paralisou,
Olhares fixos e entusiasmados.
Sua amada ao seu lado deslizando,
Momento de ser aproveitado.

Pegou a sua amada pelos braços
Em seu colo se confortou.
Não tem mais perigo de perdê-la,
Naquela pedra ela jamais escorregou.

Quem será que roubou o beijo?
O beijo que nasceu da atração
E ganhou um valioso coração?

Instante que se eternizou,
Surpreendidos pelos nossos atos.
O clima da natureza, da cachoeira,
Fez-nos sentir livres para cometer loucuras.
Na leveza dos espíritos, sorridentes,
Feitos crianças que acabaram de fazer travessuras.

O nosso primeiro beijo
Foi o ponto inicial que faltava.
Descobrimos que estávamos apaixonados.
Estávamos encantados, completamente envolvidos.

Ah, que linda história de amor a ser contada!
Onde só quem ama sente o sentido dos versos,
Consegui respirar a pureza dos poetas enamorados.

Dez anos se passaram,
Os poetas estão a escrever a sua história,
Em versos recheados de amor e alegria!

Aquele primeiro beijo
Intenso e ao mesmo tempo suave,
Foi envolvente e ardente!
Para sempre, juntos estaremos,
Eternamente!

Graciele Gessner.

Sem comentários: