Outros Blogs do meu grupo:

sexta-feira, 28 de dezembro de 2012

Repousarei em mim!


Na minha Vida
tudo te dei, pensando
que te sentisses feliz
ou com momentos felizes!

Senti no silêncio das palavras,
que a chama viva do Amor
se apagava lentamente
com a agonia do tempo!

Com palavras
rompidas no silêncio
dizias que morava em teu coração!

Bati à porta dele
e ninguém respondeu:
Ontem, hoje;
e amanhã
repousarei apenas em mim...
guiado para águas tranquilas
e nada me faltará !

José Manuel Brazão

2 comentários:

Ana Bailune disse...

Ao final, traços de um lindo pedacinho dos Salmos. Bom demais este poema! Feliz 2013!

Sueli Rodrigues disse...

Lindo poema...
ele inspira minha angustia de hoje, mas logo passa... não há mal que o tempo não cure
Linda poesia
Feliz Ano Novo
Su