Outros Blogs do meu grupo:

quarta-feira, 26 de dezembro de 2012

A Poesia já vivia em mim!



Com a poesia,
 sinto alegria;
repousam os dilemas,
nascem os poemas.

Com a poesia,
param as angústias,
as tristezas,
as desilusões.

Com a poesia
nascem emoções,
mensagens de paz,
harmonia e amor.

Com a poesia
nasce a esperança
de viver
e de conhecer amigos,
amigos de verdade.

Com a poesia,
nasce a libertação,
a conversão
aos valores humanos.

Com a poesia
nasce um estilo,
uma forma de vida,
uma visão do mundo,
que leva o poeta
à descoberta:
da verdade,
da realidade,
sem palavra encoberta.

Com a poesia,
nasce a minha poesia!
e...
... Por tua causa a minha vida
nunca mais foi a mesma;
tudo se alterou
na rotina, no descanso,
mas em mim - o Homem -
houve a conquista
de valores adormecidos
e hoje fortalecidos,
que fazem do poeta
um homem com outra visão,
com horizontes sem limites
no espaço e no tempo,
numa entrega desmedida
àqueles que me seguem,
acarinham e valorizam,
tornando o meu sentir e acreditar
em verdadeira sintonia,
que recuando no tempo,
sonhava, pretendia,
mas não sabia se conquistaria!

Hoje por tua causa
estou reflectindo em palavras
e apenas por tua causa,
escrevendo poesia da paz,
da harmonia e do amor...
... a minha poesia!

José Manuel Brazão

1 comentário:

Leandro Pereira disse...

Olá José Manuel Brazão

Venho te parabenizar pelo seu blog, já há um bom tempo venho lendo suas poesias e de sua equipe, meus parabéns.
Eu comecei a me aventurar como poeta já há um bom tempo mas agora que decidi fazer um blog e publicar minhas poesias, portanto seria um prazer receber sua visita, segue o link de meu blog.

http://momentosdepequenopoeta.blogspot.com.br/

Obrigado e meus parabéns pelo trabalho.

Leandro Pereira