Outros Blogs do meu grupo:

domingo, 4 de dezembro de 2011

Muros ou pontes na alma...

“Se você se sente só,
é porque ergueu muros
em vez de pontes´´
William Shakespeare

 Muro…
A noite desponta nessa estrada cheia de curvas
Nesse desassossego…da madrugada
A euforia invade meu território sereno
Nos compassos e descompassos
Dessa noite mascarada e turva

Lembranças que outrora vivi
Arrastam-se na minha memória
Incansavelmente esses pensamentos
Revira os cantos e recantos
Daquilo que estava inerte…

 Ponte…
E no silêncio profundo entreguei-me
Há essas asas que levaram-me
A subir na concha de sua mão…
E lá encontrei lugar seguro
Ó morada de abrigo eterno

Nina


Muito bem esta analogia. Ninguém que provocou muros pode cobrar culpas para os outros! Todos somos livres nas decisões de Vida!
Embora saiba que nem todos sabem como construir as tais pontes!
Na realidade é mais facil construir um muro do que uma ponte...
Beijo do ZÉ

nossa amigo sinto tanto orgulho e honra em de participar do seu Blog...amém
abraço bem grande
Nina

1 comentário:

VERDADE OCULTA disse...

gostei do blog
irei vir aqui mais vezes
bjs
bom domingo

bruno