Outros Blogs do meu grupo:

terça-feira, 27 de dezembro de 2011

E tudo o vento (amigo) levou...

Conheci um vento amigo
que levava até ti
tudo o que esperávamos da Vida
em nós!

Tudo passou,
nada, mas nada
aconteceu , que valesse a pena!

Dei amor em vão,
e teu coração
mentiu, fingiu
e te fez sumir,
escondida da Vida!

E esse vento amigo,
que antes andava em vai-vém,
também cansou
e ficou junto de mim
apenas como meu vento amigo.
Só meu...

José Manuel Brazão

A minha mente guarda apenas tudo o que foi belo para mim na Vida.

Sem comentários: