Outros Blogs do meu grupo:

quarta-feira, 7 de dezembro de 2011

Em Santorini

Eu sei, é por tuas ruas
eu sei, é em tuas vilas
que ele continuamente procura
o amor que o motiva.

Olhando o teu sol poente
suspira, pois sabe a verdade.
Sei bem como ele se sente.
Não estou em físico nesta cidade.

Mas sempre estive em Santorini
e Santorini sempre esteve em mim
eu não sabia, mas em minhas poesias
são teus os traços brancos e marfins.

Santorini tão pura, Santorini de cores,
seladora de tantos amores,
guarde bem o meu querido
que por teus cantos passeia e ama.

E finalmente nossas mãos se encontrarão
diante do teu poente e luar surgindo
com nosso amor embalado pela doce luz
de Santorini por nós sorrindo.

Jacqueline Collodo Gomes


Sem comentários: