Outros Blogs do meu grupo:

segunda-feira, 18 de julho de 2011

Sessão nostalgia

Quando eu era adolescente, sofri bullying na Escola, (eu nem sabia o que era isso), ninguém se preocupava com essas coisas, havia muita cumplicidade entre os jovens, naquela época, só queríamos nos divertir...
Eu não era o patinho feio da turma, mas todos tinham apelidos, o meu era "bocão".
Outros colegas também tinham seus apelidos: cabeção, orelhão, bafão, tinha o quatro-olho, etc.
Ninguém precisou de psicólogo, ou virou um obsessivo paranóico por isso... Hoje é mais difícil lidar com crianças, pois existem os traumas, que a maioria já traz de casa, devido aos maltratos e a miséria em que vivem, estou me referindo às crianças da favela, onde trabalho, porque é essa realidade que eu conheço bem.
Mudando o papo: 
* O primeiro beijo:  
O primeiro menino interessante que me beijou, eu já tinha uns treze anos, ele era o queridinho da turma (das meninas).
Por causa dele, perdi minha melhor amiga, ela gostava dele e eu também, então, veio a festa junina da Escola, a professora escolheu os pares para ensaiarmos, o meu par era "ele", não tive culpa...
A amiga deixou de falar comigo, e ele gostou de ficar junto de mim, sentava sempre do meu lado, pegávamos o mesmo ônibus todos os dias, até que aconteceu o primeiro beijo, nesse dia não dormi, só ficava pensando nele (no beijo), só pela emoção do toque, e não pela sensação de ter uma língua dentro da minha boca, eu senti algo desagradável, acho que foi o hálito, cheirava "repolho"ou alguma coisa parecida, fiquei lavando a boca, escovando os dentes, fazendo bochechos, comprei chicletes, mas aquele gosto não saía da boca, enfim... o encanto se foi e a minha primeira desilusão também.
Depois do episódio do beijo, fiz abstinência total, não queria mais saber de beijar...e nem lembro mais quantas vezes me apaixonei e desapaixonei, tantos travesseiros molhados de lágrimas.
* Lembro-me também que eu não gostava de demonstrar interesse por algum menino, ou por vergonha ou por medo deles pensarem que eu era "oferecida", era assim que se falava na época.
* Lembro que amava a dupla Sandy e Júnior, foi a melhor fase deles na música, vários sertanejos começaram a surgir, como Zé Di Camargo e Luciano ..."É o amor"; e o pagode do"Raça Negra", estava começando;
* Os filmes que me marcaram:
Titanic, chorei demais no final e não gosto de ver a reprise desse filme, Ghost, amei , e tantos...
**Pra terminar, minha adolescência foi feliz, eu sabia que ao chegar em casa ia encontrar meu pai, minha mãe, e minhas irmãs me esperando, hoje é difícil não sentir saudades desses anos, de pouca responsabilidade, mas sempre com a cabeça atenta, o dever de casa feito... estudar para as provas era importante.


http://www.youtube.com/watch?v=aCryUVdQf0U&feature=player_embedded#at=234
Mery


Minha convidada especial
Beijo do ZÉ


http://never-without-you-h.blogspot.com/

Sem comentários: