Outros Blogs do meu grupo:

sábado, 30 de julho de 2011

És mesmo um vulcão!

Vida... muita vida,
no teu corpo e alma!

Acordas
tanto para viver
alegrias
como tristezas!

De longe
te vejo assim...


O dia passa…
a tristeza da manhã,
foi-se…
a noite é de alegria!

Na manhã seguinte
volta a ser assim...
... e não páras!

És mesmo um vulcão!

José Manuel Brazão

Sem comentários: