Outros Blogs do meu grupo:

quarta-feira, 1 de junho de 2011

Palavras de um livro

Uma criança me disse
Que gostou de tudo o que leu
Tirou palavras de amor
De um livro, que era meu

Se o escrevi, foi por amor
Que mais podia querer eu
“Que as palavras de amor,
Fossem grandes como o céu”

Que se lessem com agrado
Não, porque se vendeu
Que o dinheiro não vale nada
Só esse amor muito meu

Cristina Moita

Sem comentários: