Outros Blogs do meu grupo:

quinta-feira, 23 de junho de 2011

Amor dos amores

Amores 
que entraram 
e ficaram em mim
como se fossem eternos!

Vivi cada um
me dando de corpo e alma
esquecendo a vida,
a minha vida,
sonhando
e vivendo esses amores,
como se fossem os únicos,
os mais belos
com entrega,romantismo,
beleza e emoção...

Todos guardados
em mim
neste coração infinito
que não abandona
quem amou
e ama
e levará consigo
após o sorriso final,
O amor
Desses amores!

José Manuel Brazão

Dedicado às Mulheres que amei na minha Vida!

1 comentário:

Poeta Insano disse...

Bela Poesia!

Amar muito e sempre, essa é a melhor receita para temperar a vida.
As vezes leio sobre pessoas que tentam esquecer um amor, mas sempre às aviso dizendo que passe o tempo que passar, mesmo que esse amor seja substituído por um novo amor, mais forte e mais verdadeiro, jamais será esquecido.
E acredito que o Poeta mentiu quando disse que só se ama uma vez.

Um abraço!