Outros Blogs do meu grupo:

quinta-feira, 8 de novembro de 2012

Gris...


Sou vestida de cinza
e já nem me importo
Sou das manhãs frias,
dos dias de chuva,
dos nostálgicos outonos.
Do silêncio,
da madrugada,
da lágrima,
da solidão...
Essa solidão fincada no peito
nasceu comigo e morrerá assim
Tudo bem,  é perfeito pra mim

O que sou me fez enxergar
a beleza rara do gris
(nem todos têm esse privilégio)
Mas não me impediu de ver
o  mundo  em outras cores
e eu as vejo sempre, sempre
quando meus olhos azulam...

regina ragazzi

Sem comentários: