Outros Blogs do meu grupo:

sábado, 21 de abril de 2012

EU (O AMOR) VIVO SÓ!


O amor caminhou pelas ruas,
só encontrou o silêncio.

Entrou em becos, virou esquinas,
só encontrou o silêncio.
Vagou por avenidas, atravessou oceano,
só encontrou o silêncio.

Subiu às nuvens, passou por estrelas,
deparou com a lua,
só encontrou o silêncio.

Cansado, se fechou no coração
agora vive só,
no silêncio de sua saudade.

Sueli Rodrigues
[....]

Eu o amor
vivo a angústia
de estar só,
de procurar carinho,
tolerância, simpatia
com fome de alegria
e conforto de minha alma!

Eu o amor
vivo a esperança
da tua companhia
do teu alento
da tua mão com caricia
do teu olhar confesso
enfim;
da tua presença iluminada,
vem e eu espero-te!

José Manuel Brazão

1 comentário:

Si disse...

Lindo... Já faz tempo que não comento... Mas venho sempre aqui... Tá tudo lindo demais.. Parabéns!
Beijos da Sissa