Outros Blogs do meu grupo:

domingo, 8 de abril de 2012

Já subo e desço a montanha



Acordei para um dia diferente
com um Sol no seu esplendor,
senti no meu coração calor,
num coração cheio de amor!

Recordei tudo o que vivi
em momentos certos
e noutros que senti
morrer muitas vezes
por não enxergar;
uma vida que sorriu,
voltei a viver
o que desejava
e hoje
já subo e desço a montanha,
porque encontrei o meu caminho!

José Manuel Brazão


* As nossas Almas pedem Vida!





1 comentário:

Sueli Rodrigues disse...

Emocionante ... que bom que podemos subir e descer a montanha sem exitar... é sinal de confiança...
Lindo poema Zé
Su