Outros Blogs do meu grupo:

sábado, 10 de março de 2012

De Agonias e de Tolerar


Agonia nos centímetros que emendam
garganta, estômago, emoção

E na mente, todo tempo está correndo,
"O que estou fazendo?"
Esconde-se a noção.

Sinto-me sem armas. Não sei o que dizer!
Agonia, agonia!
Por dentro correndo, querendo me esconder.

Deixada na porta da escola.
Sem o controle da situação.

"O que estou fazendo?"
"O que faço agora?"
Espaço ao choro aparentemente sem razão.

Arranca da minha garganta
esse ardor que atormenta e me tapa a visão!

Jacqueline Collodo Gomes

"Tantas coisas me incomodam hoje... Dessa forma como incomodaram em outros "hojes".
 "E quando corro, eu queria poder correr pros seus braços, meu lar".


Sem comentários: