Outros Blogs do meu grupo:

quinta-feira, 3 de maio de 2012

NÓS e o vento


Ao fechar meus olhos posso te encontrar
Na brisa suave do vento que agora está a me tocar
Vejo teu rosto amado meu
Sinto-o bem juntinho ao meu

Tocas-me como o vento trazendo alegria
Muita paz e calmaria
Teu amor é minha companhia

Que delicia é sentir o teu tocar
Tu és o próprio vento
Vento que toca minha alma
Vento que me faz amar.

Nanda Costa

[....]

Vejo a tua imagem
sempre em mim;
penso e escrevo
o amor que  envolve
as nossas vidas
e te envio
por esse vento amigo
minhas palavras
em poemas
que atravessam este mar imenso
e chegam a ti
pousando em teu colo.

Abraças e beijas
cada uma delas,
acaricias
como se fosse meu  corpo!

Olhas o horizonte,
fixas o mar,
esperas pelo vento
que me trará
teus pensamentos
de paixão e amor,
que guardavas em teu coração!
E este vento amigo
de mim tudo levou
e de ti trouxe a esperança
de sermos felizes
no resto dos nossos caminhos!

José Manuel Brazão


Sueli Rodrigues disse...
Ah! esse vento a levar todos os sonhos e pensamentos à pessoa amada... fantástico é o vento que as vezes vem brando feito brisa, e outras feito um furação arrastando tudo... lindo dueto
Parabéns Nanda e Zé. lindo duo!

1 comentário:

Sueli Rodrigues disse...

Ah! esse vento a levar todos os sonhos e pensamentos à pessoa amada... fantástico é o vento que as vezes vem brando feito brisa, e outras feito um furação arrastando tudo... lindo dueto
Parabéns Nanda e Zé. lindo duo!