Outros Blogs do meu grupo:

terça-feira, 26 de fevereiro de 2013

De(pressão)


OI
O dia amanheceu triste
Nem ouvi os passarinhos cantarem
O sol apareceu,mas meu coração está frio...
sentindo um vazio profundo...
A boca está amarga
Aquele pudim de morango?
perdeu o gostinho gostoso
e o perfume do toque de amor...
E eu saboreava-o ...
Tanto, tanto, tanto...
O amor/amigo saiu de cena
Nem quis saber se me feria
e agora, fico perdida ...
em meio de nuvens cinzas...
Não honrou a paixão escancarada
não se importou com as súplicas...
Deixou um rastro de
sonhos de amor pelo caminho
e não adianta bater à porta...
o rastro é apenas um fio de pó
marcando um destino...
Ah! Nunca mais o Oi terá
o gosto gostoso do riso
de outras manhãs...

Sueli Rodrigues

2 comentários:

Ana Bailune disse...

A depressão é um bichinho que ninguém sabe de onde vem, mas que quando ataca, suas picadas ferem profundamente, e ela tem um vírus que nos contamina, e do qual é difícil se livrar.

Su Simon disse...

Obrigada Zé por compartilhar minha poesia... Você é muito querido...
Ana tem razão esse bichinho ataca e fere uma pessoa e fere as que estão a sua volta também... bjo para os dois
Su