Outros Blogs do meu grupo:

quarta-feira, 11 de setembro de 2013

Esta manhã

Há noites em que a memória me enfeitiça
Beije minha pele invisível
Meu coração vagueia de repente ele tropeça.
Cai nos braços de um amor invencível

Há sorrisos que clareiam meus sonhos
As curvas dos teus olhos é uma compensação para minha alma
Acredito no que vejo, não é um reflexo, nem mentira.
Deveríamos ser amantes, não podemos.

Há beijos com doce perfume, imagino.
Uma rosa que floresce na esperança
Os espinhos do passado com um desejo
Desaparecer, como um líquido burburinho de seda.

Há belezas de várias espécies e cores
A doçura dos teus encantos
É um carinho que gostaria de envolver-me
Na candura do coração que você concentrou

Há um rumor, ondas de um mar cor prata,
Um desabrochar de seus/meus sonhos com lume estupendo
E no calor do movimento do teu coração
Esse amor é como um sonho secreto

Rosangela Colares 
em participação especial

Sem comentários: