Outros Blogs do meu grupo:

sábado, 16 de março de 2013

Abraço o teu silêncio


Oiço um novo ritmo

no meu coração
... quebro a promessa...

Sinto o sangue quente
a ultrapassar qualquer limite.

Encontro-me infinitamente
a olhar o azul do céu,
a cheirar uma rosa vermelha
e a sorrir...

Sinto-me a planar
no significado
das tuas palavras
... uma a uma...
declamadas num livro teu.

Sinto a intensidade
do teu beijo
... letra a letra...

Abraço o teu silêncio
e sonho
um dia encontrar o teu olhar...



Vanda Paz

1 comentário:

Ana Bailune disse...

Tão bonito... No meu interpretar, tanto o autor poderia estar referindo-se a um escritor quanto a Deus.