Outros Blogs do meu grupo:

quarta-feira, 4 de junho de 2014

Bruma

Às vezes...bruma...
Essas coisas inexplicáveis
que nos pegam de repente
Vontades da alma...
Não cabe nada mais
que olhos distantes
e silêncios...
Não é dor, nem agonia
Não é vazio...
Não se traduz em palavras
Talvez por isso mesmo
Seja ao mesmo tempo
Tão leve... e tão intenso...

regina ragazzi

Sem comentários: